Páginas

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Ensinar pelo Espírito

Como dissemos há cerca de 3 semanas estamos a nos preparar para a reta final deste ano de 2012, com tudo o que isso implica, inclusive a preparação da Sacramental Especial da Primária.
E seu tempo colocaremos aqui tudo o que tem sido feito, e retomaremos as nossas publicações semanais sobre os recursos para o Tempo de Compartilhar (deste e do próximo ano), bem como as sugestões para as Noites Familiares.
 
Algo que a cada ano, e quase que a cada passo nos é relembrado nos Manuais e no Esboço para o Tempo de Compartilhar, é a importância de "Ensinar pelo Espírito".
 
Neste campo estamos a preparar várias coisas.
 
Dentre as várias recomendações e ensinos sobre este princípio para todos nós, enquanto pais, educadores ou professores, seja na organização da Primária, seja em qualquer organização da Igreja, há um muito bom que pode ser encontrado na Liahona de Outubro de 1998, que se encontra disponível online (somente em língua inglesa) clicando Aqui , do então Presidente Gordon B. Hinckley, que foca justamente da necessidade da companhia do Espírito na gestão de todos os assuntos da Igreja e muito profundamente na nossa vida pessoal.
 
Desse discurso transcrevemos apenas breves trechos que considerámos importantes, que não dispensam a leitura integral do discurso, para uma melhor perceção da importância deste tema.
 
 
 
ALIMENTAR O ESPÍRITO, NUTRIR A ALMA
 
Mensagem da Primeira Presidência
Pelo Presidente Gordon B. Hinckley
 
 
 
Amós profetizou:
 
"Eis que vêm dias, diz o Senhor DEUS, em que enviarei fome sobre a terra; não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do SENHOR.

    E irão errantes de um mar até outro mar, e do norte até ao oriente; correrão por toda a parte, buscando a palavra do SENHOR, mas não a acharão.

Amós 8:11-12"
   
Há fome na terra, e uma genuína sede - uma grande fome da palavra do Senhor e uma sede insatisfeita pelas coisas do Espírito. Estou contente de que o mundo esteja carente de alimento espiritual. É nossa a obrigação e a oportunidade de alimentar a alma.

      
    Precisamos do Espírito Santo em nossas muitas responsabilidades administrativas.
Precisamos dele como ensinar o evangelho em nossas aulas e para o mundo.
Precisamos dele no governo e no ensino de nossas famílias.



Ensinar com o Espírito

Para todos os pais, todos os que ensinam o evangelho, incluindo missionários, para cada um de vocês eu gostaria de fazer uma pergunta dada pelo Próprio Senhor:
 Portanto eu, o Senhor, faço-vos esta pergunta: Para que fostes ordenados?
       
Para pregar meu evangelho pelo Espírito, sim, o Consolador que foi enviado para ensinar a verdade.

E então o Senhor continua a dizer da coisa notável que acontece quando pregamos pelo Espírito:

     Portanto aquele que prega e aquele que recebe se compreendem um ao outro e ambos são edificados e juntos se regozijam.        
 (D&C 50:13-14, 22).

Não é este o objetivo de todo o nosso esforço, que tanto nós que ensinam e nós, que são ensinados entender um ao outro e são edificados e juntos se regozijam?
               

(Ler o Discurso Completo Aqui)
Aqui no Margem SUD, salientamos a importância deste grande ensinamento, o qual nos é constantemente lembrado, na composição original nossa abaixo.
 
Relembramos que estaremos de volta o mais rapídamente possível, e desejamos aos nossos leitores um bom resto de semana.
 
 

 

O Nosso Obrigado
Margem SUD
 




Sem comentários:

Enviar um comentário